Nada sober vós sem vós

Log in
updated 12:17 PM WET, Nov 22, 2017
Informação:
ACOMPANHE: Todas as novidades sobre os projetos com 'marca' Plural&Singular. Além do concurso de fotografia internacional em que TODOS cabem - cuja cerimónia de entrega de prémios decorre dia 3 e dezembro no CPF, no Porto - avançamos com formações em Comunicação Acessível e Sexualidade&Afetos, o projeto "Nós os cuidadores - sessões de grupo para cuidadores informais!" e com candidaturas ligadas ao ERASMUS+            Consulte também a página do Núcleo de Inclusão, Comunicação e Media e adira ao nosso grupo de debate e partilha no facebook  

Campeonato da Europa de Futebol de 7: Seleção nacional é anfitriã com direito a ambição!

 

 

Já começou o Campeonato da Europa de Futebol de 7 que se realiza em Portugal, integrado no programa Maia – Cidade Europeia do Desporto 2014 e com o objetivo de desenvolver a modalidade em território luso.

O futebol de 7 é uma modalidade adaptada do futebol de 11, tendo reconhecidos benefícios para atletas com paralisia cerebral e outras lesões neurológicas. Esta é, aliás, a única modalidade de futebol que pode ser vista nos Jogos Paralímpicos para a paralisia cerebral, neurológica e afins.

E quem são estes jogadores que protagonizarão mais de dez dias de competição? “São, no fundo, os indivíduos que são independentes, que fazem a sua atividade diária normal e sem precisarem de ajuda. Eles são avaliados por uma equipe técnica e têm que pertencer à classe 5 até à classe 8”, descreveu o selecionador nacional, Luís Ferreira.

Acrescente-se, ainda, que atualmente é possível ter um atleta da classe 8 em campo e um da classe 5 ou 6, depois os outros jogadores poderão ser das outras classes. Ou seja, no fundo a equipa tem que ter todas as classes em campo, umas mais predominantes que outras. “A classe 5 que será o que terá maiores limitações a nível de deslocação, assim como a 6. A 7 são os hemiplégicos que só serão afetados de um lado e os de classe 8 são os overlines com um grau de dificuldade muito baixo, mais reduzido. E dessa classe só se pode ter um atleta em campo”, explicou Luís Ferreira.

Em Portugal é a Associação Nacional de Desporto para a Paralisia Cerebral (PCAND) que organiza as provas nesta modalidade, nomeadamente do Campeonato Nacional (por jornadas) e do Campeonato de Portugal (por eliminatórias).

E esta é a hora do Futebol de 7 em Portugal assumir contornos firmes. Todos os fatores conspiram a favor deste objetivo… O facto de se tratar de uma adaptação da modalidade que é o Desporto Rei, o facto deste despertar paixões, o facto de estarem a aproximar-se os Jogos Paralímpicos Rio2016…

O Campeonato da Europa de Futebol de 7 assume-se, desta forma, como um bom teste para o projeto luso. 

Portugal quer destacar-se e marcar pontos. O selecionador nacional referiu, aliás, que “o trabalho é feito dentro das regras que estão implementadas para a modalidade”, mas a equipa lusa está, de alguma forma, em processo de descoberta do seu potencial. 

“O trabalho também vai sendo feito ao longo do tempo na perspetiva de sabermos quais são os atletas que temos connosco, até porque há uma indicação da classe em que eles estão. Inclusive participaram atletas novos que competiram pela primeira vez num torneio em Barcelona, já foram classificados e estavam dentro daquilo que nós pretendíamos e que já sabíamos e depois esta experiência já nos permite tirar ilações relativamente aos atletas que vamos utilizar”, descreveu.

Estão na Maia os melhores dos melhores: Portugal, Dinamarca (21.ª classificada do ranking mundial), Inglaterra, Finlândia (soma participações em provas de 1999, 2006, 2010 e 2011), Alemanha (23.ª classificada do ranking mundial), Irlanda (conquistou o bronze no Campeonato Europeu 2010, disputado na Escócia), Holanda (quarta classificada no Campeonato Europeu 2010, disputado na Escócia), Rússia, Irlanda do Norte (15.ª classificada do ranking mundial), Escócia (oitava classificada do ranking mundial), Ucrânia (conquistou a medalha de ouro na Liga Internacional de Barcelona, em 2011) e Rússia que é, nada mais nada menos, do que a campeã Paralímpica em título.

Depois da receção às comitivas realizada ontem, a prova a doer começa quarta-feira com um Portugal-Inglaterra, sendo a seleção inglesa a décima classificada do ranking mundial, às 20 horas. Antes está prevista, para as 18 horas, a cerimónia de abertura.

Os jogos vão decorrer nos estádios da Maia Dr. José Vieira de Carvalho e Dr. Costa Lima, enquanto os treinos estão previstos para os Municipais de Pedrouços e Cutamas.

 

Bilhete de Identidade dos jogadores da seleção portuguesa:

Nome: Telmo Baptista 14

Posição: Guarda-redes

Classe: Classe 7 

Clube: APPC/ARDA – Porto (Começou à 1 ano)

 

Nome: Rui Rocha 1

Posição: Guarda-redes 

Classe:  Classe 7

Clube: APCL – Lisboa (Começou à 12 anos)

 

Nome: André Ferreira 11

Posição: Defesa

Classe Classe 7

Clube: APPC/ARDA – Porto (Começou à 6 anos) 

 

Nome: Sergio Barros 12

Posição: Defesa

Classe:  Classe 7

Clube: FCPorto – Porto (Começou à 12 anos)

 

Nome: Vitor Vilarinho 7

Posição: Meio-campo 

Classe:  Classe 8

Clube: APPC/ARDA – Porto (Começou à 18 anos ) 

 

Nome: Ricardo França 2 

Posição: Meio-campo

Classe:  Classe 6

Clube: APPC/ARDA – Porto (Começou à 1 ano)

 

Nome: Tiago Ramos 10

Posição: Avançado

Classe:  Classe 6

Clube: APPC/ARDA – Porto (Começou à 18 anos

 

Nome: Lucas Pinheiro 13

Posição: Meio-campo

Classe:  Classe 7

Clube: APPC/ARDA – Porto (Começou à 2 anos)  

 

Nome: Tiago Carneiro 9

Posição: Avançado

Classe:  Classe 7

Clube: APCL – Lisboa (Começou à 12 anos)  

 

Nome: Luís Ferreira 6

Posição: Avançado

Classe:  Classe 7

Clube: APPC/ARDA – Porto (Começou à 1 ano)  

 

Nome: Ruben Oliveira 5

Posição: Defesa

Classe:  Classe 7

Clube: APPC/ARDA – Porto (Começou à 3 anos)  

 

Nome: Pedro Santos 8

Posição: Meio-campo

Classe:  Classe 7

Clube: APPC/ARDA - Porto (Começou à 6 anos)  

 

Nome: Vasco Santos 4

Posição: Defesa

Classe:  Classe 5

Clube: FCPorto – Porto (Começou à 4 anos)  

 

Nome: Ricardo Sotto Mayor 3

Posição: Meio-campo

Classe:  Classe 5

Clube: Boavista Futebol Club – Porto (Começou à 2 anos)  

 

 

Equipa Técnica:

Luís Ferreira - Selecionador

Vasco Ferreira -  Treinador

Manuel Costa - Treinador G. R.

Pedro Silva - Treinador Adjunto

Ana Lages - Fisioterapeuta

 

Deixe um comentário

Bingo sites http://gbetting.co.uk/bingo with sign up bonuses

publicidade

publicidade

Publicidade

10°C

Lisboa

Rain

Humidity: 96%

Wind: 11.27 km/h

  • 22 Nov 2017 12°C 2°C
  • 23 Nov 2017 6°C 0°C

Publicidade