Nada sober vós sem vós

Log in
updated 3:17 PM WEST, Apr 20, 2019
Informação:
EM BREVE: informações sobre concurso internacional de fotografia "A inclusão na diversidade" promovido pela Plural&Singular em parceria com o Centro Português de Fotografia entre outros projetos do Núcleo de Inclusão Comunicação e Media

Casa da Lusofonia nos Jogos Paralímpicos de Tóquio 2020

A 500 dias do início dos Jogos Paralímpicos Tóquio 2020, os comités paralímpicos nacionais de Língua Portuguesa anunciaram o lançamento da Casa da Lusofonia, um espaço que servirá para “encontro e celebração da cultura lusófona”, refere nota enviada à Plural&Singular.

A Casa da Lusofonia é um projeto inovador que vai nascer em plena capital japonesa com o objetivo de, e conforme refere o presidente do Comité Paralímpico de Portugal (CPP), José Manuel Lourenço, constituir “um momento de afirmação da lusofonia no movimento paralímpico internacional”.

“A Casa da Lusofonia virá fortalecer os laços históricos entre os países de língua portuguesa através do desporto paralímpico. Queremos que cada um Comités Paralímpicos Nacionais de Língua Portuguesa leve a este espaço um pouco da cultura do seu país”, aponta José Manuel Lourenço.

Já o seu homologo brasileiro, Mizael Conrado, destaca “o marco emblemático” deste projeto, realçando “o espírito colaborativo” entre os comités paralímpicos nacionais da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa.

“Será um espaço interessante, com as mais diversas atividades para seus visitantes. A iniciativa mostra o espírito de unidade que há entre as nossas nações, em especial quando se trata do desporto paralímpico. É uma oportunidade única de inspirar uma geração e difundir nossos valores na sede dos próximos Jogos”, afirma o presidente do Comité Paralímpico do Brasil.

De acordo com o CPP, a Casa da Lusofonia estará em funcionamento durante os Jogos Tóquio 2020 e “será um local privilegiado de encontro e celebração das culturas da lusofonia, com o desenvolvimento de diversos eventos ligados ao desporto, gastronomia, turismo, conferências, exposições permanentes, conferências de imprensa e transmissão de provas em direto”.

A Casa da Lusofonia está pensada para incluir todos os Comités Paralímpicos Nacionais de Língua Portuguesa.

A materialização do projeto terá lugar na Shibaura House e em causa está um edifício de design descrito na nota como “arrojado e caracterizado pelas amplas paredes de vidro”.

O espaço estará aberto durante o período da competição às diversas Missões Paralímpicas, a parceiros institucionais, aos media e ao público que tenha interesse em conhecer um pouco mais das várias culturas da lusofonia.

Itens relacionados

  • Eleições europeias: milhões de eleitores com deficiência na UE não poderão votar

    O Comité Económico e Social Europeu (CESE) publicou um relatório que revela que, devido a entraves jurídicos e técnicos que continuam a existir nos estados-membros da União Europeia (UE), não é possível assegurar que as eleições europeias, que em Portugal estão marcadas para 26 de maio, serão acessíveis a todos.

  • Guimarães: Formação “Acessibilidade da Comunicação e do Windows”

    Estão abertas as inscrições para participar na formação “Acessibilidade da Comunicação e do Windows - Os desafios da interação com pessoas com diversidade funcional e as funcionalidades do sistema operativo Windows” que decorre no Instituto de Design, em Guimarães, dia 27 de abril, das 10h00 às 17h30.

  • Dia Mundial da Trissomia 21 – Campanha #eutambémcont0123

    Hoje assinala-se o Dia Mundial da Trissomia 21 e Associação Pais 21 não quer que a data passe indiferente. A campanha #eutambémcont0123 está em curso, foi lançada hoje e parte da preocupação pela falta de números e de mais informação sobre pessoas com Trissomia 21, também denominada síndrome de Down.

  • Portugal arrecada 19 medalhas nos Campeonato Europeus de atletismo, PR já reagiu

    Marcelo Rebelo de Sousa felicitou já a comitiva portuguesa que participou nos Campeonatos Europeus de atletismo de pista coberta da Federação Internacional para Atletas com Deficiência Intelectual (INAS), os heróis lusos que trouxeram de Istambul quase duas dezenas de medalhas.

  • CPP escolhe Leila Marques Mota para Chefe de Missão Tóquio2020

    O nome da antiga nadadora paralímpica Leila Marques Mota foi anunciado sábado pelo Comité Paralímpico de Portugal (CPP), após uma reunião anual do Programa de Preparação Paralímpica que decorreu em Rio Maior.

Bingo sites http://gbetting.co.uk/bingo with sign up bonuses

publicidade

publicidade

Publicidade

4°C

Lisboa

Limpo

Humidade: 49%

Vento: 14.48 km/h

  • 03 Jan 2019 7°C 3°C
  • 04 Jan 2019 8°C 1°C

Publicidade